Imprensa / Notícias do Setor / Espaço do Associado

22/05/2018



PROJETO MUELLER ECODESIGN SOCIAL 2018: PRIMEIRA VISITA AO LAR INFANTIL SOL AMIGO


PROJETO MUELLER ECODESIGN SOCIAL 2018: PRIMEIRA VISITA AO LAR INFANTIL SOL AMIGO

A equipe de profissionais que integram a edição deste ano visitaram a instituição para conhecer os ambientes que serão revitalizados pelos escritórios

 

   O Shopping Mueller promoveu, no dia 15 de maio, uma visita técnica ao Lar Infantil Sol Amigo (LISA), com os profissionais que integram a equipe da edição 2018 do Projeto Mueller Ecodesign Social. A instituição foi a escolhida, por meio de uma votação aberta ao público, para ser beneficiada com o projeto deste ano. O objetivo da visita foi apresentar o Lar, além de abordar sobre questões técnicas da obra.

Na ocasião, os coordenadores técnicos do projeto, a arquiteta Rose Guazzi, e o arquiteto e paisagista, Marcelo Calixto, apresentaram a instituição aos profissionais e orientaram sobre as definições finais dos ambientes assumidos por cada escritório, antes do início da obra. “A primeira visita tem como objetivo conhecer o Lar, as instalações físicas, para que os profissionais façam o primeiro contato com as crianças que residem na instituição, saber sobre a rotina de cada um, além de ser uma oportunidade para que os profissionais se conheçam e socializem entre si, para melhor compor o projeto”, explica a arquiteta e coordenadora técnica do Mueller Ecodesign Social, Rose Guazzi.

 

   Na edição deste ano, o projeto aumentou, sendo três casas em um único terreno, além do espaço da área comum. Juntas, as três casas têm capacidade para 30 crianças de 0 a 18 anos. “Em cada casa mora uma família social. Acredito que a compatibilização dos três projetos mais a área comum com três famílias será o maior desafio do projeto em comparação com os anteriores”, afirma o arquiteto e paisaigista, Marcelo Calixto. A partir da visita técnica, os profissionais têm como prazo 40 dias para as apresentações dos projetos de cada ambiente, que serão aprovados pela coordenação técnica. O Centro de Educação Profissional de Design, Artes e Profissões (Cepdap) é parceiro educacional da edição 2018 do Projeto Mueller Ecodesign Social.

 

    Para o desenvolvimento das obras, 34escritórios de Curitiba (PR), sendo 64 profissionais, aderiram ao projeto. São eles: Carolene Coimbra e Fábio Aguiar; Beth Egas; Mariana Savi; Sabrina Serta e Tainah Paiva; Viviane Busch; Keila Kinder e Fernanda Viero; Jane Rocha e Suzane Simon; Marli Manfroi Faust; Ivangela Curra; Carla Saad e Fabiana Cristina Campos; Zeh Pantarolli e Diego Miranda; Mônica Floreste e Rafael  Cozikizky; Ivana Guimarães; Simone Weber; Elizane  Souza; e Daniela Martins; Vinicius Trevisan; Gisele Ramos; Helaine Goes Pinterich; Xênia Sperandio; Symon Hilgemberg; e André Panatto; Rodrigo Garcia; e Jaqueline Siebert; Vanessa Meyer; Marcelo Coelho; e Lyse França; Clarice Volpi; e Simone Volpi Zoller; Daniel Casagrande; e Luiz Maganhoto; Olga Bergamini; e Karin Neitzke; Arianne Ribeiro; e Berenice Veiga Ribeiro; Mônica Moro Harger; e Fernanda Morishita; Sandro Percicotti; Andréa Benthien; e Silvia Ferreira; Claudia  Sovierzoski; Paula Santos Segalla; e Renato Sabadin; Fabiola Mourão; Liamara Zardo Selbach; Liliane Murad Fadoni; Juliana Lahoz; Leonardo Hauer; e Cleverson Tramujas; Ricardo Targa Stramandinoli; Maicon Rodolfo Hamm; e Rafaela Targa Stramandinoli; Nadia Bentz; e Vanderlan Farias; Priscila Mileke; Ana Crivellaro; e Laryssa Rocha. O Centro de Educação Profissional de Design, Artes e Profissões (Cepdap) é parceiro educacional da edição 2018 do Projeto Mueller Ecodesign Social. Os alunos participantes vão ajudar na revitalização de um quarto de adolescentes e também na área de paisagismo da instituição.

 

   De acordo com o cronograma estabelecido, as obras terão início no mês de julho e a entrega do Lar revitalizado está prevista para outubro.

 

Concurso AsBEA/PR

Neste ano, a regional Paraná da Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura (AsBEA/PR), está promovendo o Concurso de Ideias Agisa Todeschini, destinado para estudantes de arquitetura e urbanismo e também profissionais da área. O prêmio vai selecionar o melhor projeto para um espaço pedagógico para crianças que integrará o Lar Infantil Sol Amigo. O ambiente será construído dentro de um contêiner da marca Agisa, e irá compor com móveis planejados da Todeschini Água Verde.

 

A história do Projeto Mueller Ecodesign Social
    Construído a partir da Mostra Mueller Ecodesign, iniciada em 2008, que durante seis anos projetou ambientes assinados por profissionais de arquitetura e design de interiores, o Projeto Mueller Ecodesign Social surgiu através do mesmo pilar: a sustentabilidade. A principal proposta, quando foi criado o projeto, era de levar a exposição do Shopping Mueller para espaços reais, amparando diretamente o público. Em todas as edições, a proposta sempre foi a mesma: a de alcançar os jovens, beneficiando-os diretamente com as melhorias realizadas no local onde frequentam.

      Em sua primeira edição, em 2014, o projeto atendeu a Casa do Piá 1, já a segunda edição, em 2015, contemplou a Casa das Meninas do Novo Mundo. A terceira edição do projeto, reformou o Portal do Futuro do Bairro Novo, e a quarta edição revitalizou o Lar Batista Esperança, as quatro instituições curitibanas.

 

SERVIÇO:
Projeto Mueller Ecodesign Social 2018
Informações: 
www.shoppingmueller.com.br
Facebook
www.facebook.com/MuellerCtba
Twitter
twitter.com/muellercwb
Instagram:
 @muellercwb

Informações para a imprensa
Mcomm Comunicação Dirigida
Fone/Fax: (41) 3343-9800
Marcus Contin DRT/PR 3838
Bianca Santos DRT/PR 0010429
e-mail: marcus@mcommdigital.com.br
e-mail: bianca@mcommdigital.com.br
Acesse: www.mcommdigital.com.br
Facebook: www.facebook.com/mcommcomunicacao